Comercialização de biografia de Lily Safra é proibida no Brasil

Diante de ação inibitória proposta pela Marinoni Advocacia, o Tribunal do Paraná acaba de confirmar a sentença que proibiu a venda no Brasil da obra “Gilded Lily” – que tenta retratar a vida de Lily Safra – uma das mulheres mais ricas do mundo -, mas caracteriza de forma indevida, violando o direito à honra, as pessoas envolvidas. Após sustentação oral por ambas as partes, o colegiado concluiu que “na ponderação entre o direito de opinião em conflito com o direito à honra e à imagem, previsto no artigo 5º, inciso X da Constituição Federal, este último deve prevalecer no caso concreto”.

Categorias