AS NOVAS SENTENÇAS E NOVOS PODERES DO JUIZ PARA A PRESTAÇÃO DA TUTELA EFETIVA